Saiba como acabar com a dor do lado na hora da corrida

Saiba como acabar com a dor do lado na hora da corrida

Às vezes, quando estamos fazendo exercícios, principalmente corrida, sentimos uma "dor do lado" muito forte. Saiba por que essa pontada surge e acabe com ela!

Reportagem: Carla Festucci

A "dor do lado" costuma aparecer logo abaixo da costela enquanto

estamos praticando exercícios físicos, principalmente a corrida

A "dor do lado", pontada forte sentida logo abaixo da costela enquanto se realiza algum exercício físico, principalmente a corrida, pode surgir por dois motivos principais:

- Dor do lado por esforço físico muito grande, maior do que o corpo pode aguentar – o que pode estar associado também à falta de condicionamento físico;

- Dor do lado por respiração errada enquanto realiza a atividade física, por exemplo, na hora de dar as passadas na corrida. "Respirar muito superficialmente faz com que o diafragma, músculo que separa o tórax do abdômen, contraia e relaxe rápido demais, podendo apresentar um espasmo, uma espécie de cãibra, e daí vêm as dores", afirma a educadora física do B&A Academia, Carolina de Sousa.

Segundo ela, o estômago muito cheio também pode fazer com que o diafragma entre em espasmo "pois o músculo ficaria tocando constantemente no estômago durante a inspiração". Por isso, preste atenção no que come antes do treino, e também na quantidade, para não ser pega por essa incômoda dor do lado.

Uma dica da educadora física para se livrar da "dor do lado" quando ela aparecer é diminuir o ritmo do esforço imediatamente. "Procure respirar profunda e vagarosamente e pressione o local da dor com os dedos", indica Carolina.

Outra atitude que pode dar resultado é intensificar a respiração no momento da dor, expirando várias vezes de maneira forte e prolongada.

Já para evitar que essa dor te pegue, Carolina de Sousa orienta prestar atenção na sua respiração. "Se você é iniciante, comece a se exercitar com um ritmo lento, para que o corpo se acostume e acerte a frequência da sua respiração. Um aquecimento mais leve vai acertar o trabalho muscular e ajeitar a respiração do atleta", afirma.

Mas é importante saber que a respiração ideal vem com o tempo e acontece sozinha, à medida em que a pessoa vai conhecendo seu corpo e descobrindo seu ritmo.

Acerte a respiração!

Não existe uma fórmula mágica para se respirar corretamente. Porém, algumas dicas podem ajudar a evitar as incômodas dores enquanto se exercita.

Procure respirar inflando o abdômen, e não erguendo os ombros ou estufando o peito - uma respiração curta que provoca ansiedade e dá pouco fôlego. A respiração pelo abdômen relaxa o diafragma, enquanto a outra obriga o músculo a se contrair e relaxar muito rapidamente, com intervalos muito curtos, o que pode provocar as pontadas.

No começo não é tão fácil, mas treine a respiração no dia a dia e em pouco tempo isso se tornará automático para você.

4 Replies

oldestnewest
  • Maravilha Tiano,

    Mais uma vez, muito obrigado pelas dicas!!!!

    Abraço!

  • Opa!

    Se precisar já sabe!

  • Eu tive essa dor exatamente no ultimo ciclo dos treino da segunda semana, por isso repetio o programa da segunda semana na terceira semana, prestei mais atenção em minha respiração e essa semana não tive dor

  • Aeeeeee......muito bom José Marcelo!

You may also like...