TREINE NO CALOR PARA MELHORAR O DESEMPENHO

TREINE NO CALOR PARA MELHORAR O DESEMPENHO

Estudo aponta ganho de performance após alguns dias correndo sob temperaturas mais elevadas

Com a chegada do verão, os treinos ao ar livre começam a ficar mais difíceis. O calor acaba aumentando o cansaço e, por isso, muita gente opta por horários alternativos para os exercícios – mais cedo ou mais tarde do que o normal – ou aposta na academia para manter a forma.

Um novo estudo, desenvolvido por especialistas do Hospital Aspetar, no Catar – e publicado no periódico científico Scandinavian Journal of Medicine and Science in Sports –, traz um ponto de vista positivo sobre atividades físicas em dias mais quentes: o ganho de performance. De acordo com os pesquisadores, duas corridas por semana no calor são suficientes para aumentar o volume de plasma no sangue, o que resulta na melhora do desempenho. Para uma adaptação completa, no entanto, é preciso algum tempo nessa rotina – e o verão é a época ideal para fazer isso.

Logo nos primeiros treinos, os cientistas indicam que a temperatura do corpo na região do core cai – um indício de aclimatação. Com o passar das semanas, o suor diminui e o preparo físico para encarar o calor melhora. Isso representa que, para voltar a se cansar tanto quanto nos primeiros dias, será preciso correr mais.

O volume de plasma atinge um platô após duas semanas. Para os pesquisadores, isso ocorre a partir do momento em que o corpo se adapta às mudanças climáticas. Correr por uma hora, em um determinado pace e uma temperatura padrão, no início, é algo estressante para o organismo, mas ele acaba se acostumando.

A solução para manter o volume de plasma sempre elevado, segundo os cientistas, é tentar manter a temperatura do corpo sempre um grau mais alto do que a média básica. Ou seja, independentemente do calor externo ou da velocidade imposta durante o treino, o caminho é tentar controlar a temperatura corporal.

É claro que você não encontrará ninguém correndo com um termômetro nas axilas. Por isso, a sugestão dos autores do estudo é que você mantenha uma frequência cardíaca durante o treino. Dessa forma, vai perceber que consegue correr mais rápido mesmo mantendo uma mesma quantidade de batimentos por minuto (BPM).

Fonte:http://www.suacorrida.com.br/treino-finisher/treine-no-calor-para-melhorar-o-desempenho/

1 Reply

oldestnewest
  • Valeu Mestre!!!!

    Abraço!!!

You may also like...