5 DICAS PARA NAMORAR COM DIABETES

5 DICAS PARA NAMORAR COM DIABETES

Ter diabetes pode criar desafios em sua vida do dia-a-dia e sua vida amorosa não é excepção.

Pergunte a qualquer pessoa solteira sobre o que é o namoro e você provavelmente vai ouvir que não é nada parecido com um piquenique.

Basta encontrar alguém com quem você gostaria de sair e logo irá sentir como se isto fosse uma tarefa intransponível.

Como encontrar alguém nos dias de hoje?

Você pode tentar um site de encontros pela internet. Você é corajoso(a) o suficiente para um encontro às escuras?

Quando você encontra alguém que gostaria de ver novamente, você espera por uma chamada ou convida logo para sair? Você espera um tempo para entrar em contato após o primeiro encontro? Quantas perguntas!Agora imagine acrescentar a tudo isso uma complicação adicional de uma condição médica como diabetes.

Por que o encontro é uma grande coisa?

Diabetes é uma doença grave. Ela precisa de uma gestão cuidadosa e constante atenção. Mas é gerenciável, e é isso que qualquer um que irá a um encontro, e que tem diabetes, precisa lembrar.

DICAS PARA VOCÊ QUE TEM DIABETES

Se você está apenas indo namorar pela primeira vez ou se você está de volta ao namoro após o fim de um relacionamento, o namoro com diabetes na equação pode dar uma interpretação diferente sobre as coisas.É bem possível que a próxima pessoa você sairá não terá muitos conhecimentos sobre os meandros da diabetes. Perguntas como, ‘eu posso encostar em você?’ não são raras de ouvir. Triste mas verdadeiro, você precisa estar preparado para isso. Você também precisa estar preparado para algumas coisas mais práticas.

1. DIGA QUE VOCÊ TEM DIABETES … QUANDO ESTIVER PRONTO

Esta é uma informação pessoal e é completamente desnecessária até você achar que precisa dizer a alguém. Tenha em mente que, dependendo do seu modo de gerenciamento, pode ser óbvio para quem você irá encontrar que algo está acontecendo. Mas você precisa estar confortável o suficiente para ter a conversa no seu próprio ritmo.

2. FIQUE ESPERTO SOBRE O RESTAURANTE ONDE SE ENCONTRAR

Restaurante favorito de seu pretendente escolhido especialmente para a ocasião pode não atender às suas necessidades dietéticas. Se você puder, verifique o menu antes de ir e observe o que comer para que você possa planejar sua dieta e medicação ou insulina.

3. PRIMEIRO ENCONTRO APENAS PARA UMA BEBIDA

Esta pode ser uma boa ideia para quem não quer se comprometer com uma longa refeição, mas quando você tem diabetes, lembre-se que um encontro para tomar uma bebida no barzinho poderia ser um pouco complicado quando você está tentando evitar ou limitar a sua ingestão de álcool.

4. O QUE FAZER QUANDO O ENCONTRO É PARA FAZER UMA ATIVIDADE FÍSICA JUNTOS?

Este tipo de encontro pode ser um desafio para quem tem diabetes. Você pode sugerir uma caminhada leve ou um passeio de bicicleta em vez disso.

5. ESTEJA PREPARADO

Independentemente do que você vier a fazer durante o encontro, verifique se está preparado. Leve consigo sempre insulina ou medicação e, se puder, o glicosímetro.

DICAS PARA AQUELES QUE NÃO TÊM DIABETES

1. EDUQUE-SE

Quanto mais você souber sobre diabetes, melhor. Seu parceiro(a) pode não ser capaz de sair para tomar uma bebida ou comer em seu restaurante favorito sem que tenha efeitos colaterais. Há uma abundância de sites da internet que podem lhe dar todas as informações de que você precisa.

2. OFEREÇA AJUDA

Viver com diabetes pode ser um grande desafio. Quem tem diabetes vai deixar você saber (quando estiverem prontos para isso) sobre sua condição. Eles podem apenas querer que você seja informado ou pudesse estar mais envolvido. Isso é algo a se resolver entre vocês.

3. SEJA FLEXÍVEL

Pessoas com diabetes vivem com restrições e limitações e não é sempre fácil. Você vai ter que ser atencioso com isso e ser bastante flexível durante seus encontros.Lembre-se, estejam abertos para novos conhecimentos e vocês irão encontrar pessoas que irão querer aprender mais e conversar sobre o assunto.

Tenha um encontro feliz e saudável!

health24.com/

Fonte: Psicologia - 13/11/2015 - portal tiabeth

oldestnewest

You may also like...