Vacinas Indicadas para Pacientes com Diabetes Mellitus

Fonte: Sociedade Brasileira de Imunização (SBIM)

Com o objetivo de melhor orientar os profissionais da saúde, a SBIM - Sociedade Brasileira de Imunizações elaborou o Guia de Vacinação para Pacientes Especiais. Nele, está a fundamentação de cada recomendação e as orientações conforme a patologia e a presença de outras condições.

A imunização de pacientes com doenças crônicas é uma importante ferramenta para reduzir a morbidade

e a mortalidade nesse grupo. O risco para infecções entre eles é maior, por esse motivo é necessário um

olhar diferenciado na assistência desses pacientes, indo além da recomendação básica de vacinas. Neste

caso, a indicação se dá com base na fisiopatologia da doença e na predisposição para infecções imunopreveníveis.

O PNI (Programa Nacional de Imunizações), por meio dos Centros de Referências para Imunobiológicos

Especiais (Cries), oferece aos portadores de doenças crônicas acesso à imunização, obedecendo

normas publicadas em manual específico.

No caso de pacientes com Diabetes Mellitus, as vacinas indicadas são:

( CONSULTE O SEU MÉDICO ! )

Haemophilus influenzae b: Quando indicada para menores de um ano, recorrer ao calendário normal

da criança (1ª dose aos 2 meses, 2ª dose aos 4 meses e a 3ª dose aos 6 meses, com reforço aos 15/18

meses). Quando para maiores de um ano e adultos, recomenda-se dose única. Disponível no Cries para

pacientes crônicos até os 18 anos e na rede pública de vacinação para crianças, porém, somente as três

primeiras doses.

Influenza: Esquema padrão para a idade (duas doses antes dos 9 anos de idade e reforço anual). Está

disponível no Cries para pacientes crônicos e na rede pública de vacinação até os 2 anos.

Pneumocócica conjugada (VPC10 ou VPC13): Indicada para menores de 2 anos de acordo com o calendário

básico de vacinação: três doses aos 2, 4 e 6 meses de vida. Para crianças acima de dois anos e não vacinadas anteriormente, respeitar duas doses com intervalo de 2 meses entre elas (VPC10). Para crianças de 4 a 5 anos não vacinadas anteriormente, respeitar duas doses de VPC13 com intervalo de 2 meses entre as aplicações. Para maiores que 5 anos, adolescentes e adultos recomenda-se dose única da VPC13. No Cries a VPC10 está disponível até os 5 anos. Já a VPC13 não está disponível na rede pública.

Pneumocócica 23V: Recomenda-se duas doses com intervalo de 5 anos entre elas. Disponível no Cries de

acordo com especificidades: recomenda-se a vacina VPC13 entre 6 e 49 anos.

Hepatite B: Respeitar esquema padrão de vacinação de acordo com a idade em 3 doses. Uma ao nascer,

outra aos 2 meses e a última aos 6 meses de idade. Disponível na rede pública para crianças e indivíduos

até 49 anos. Não está disponível no Cries.

Varicela (catapora): Respeitar duas doses, a primeira com um ano de idade e outra com um ano de meio.

Para adultos é indicada somente para ausência de histórico anterior da doença e é contra indicada para

imunodeprimidos. Para crianças está disponível em postos públicos de vacinação a partir do segundo semestre

de 2013. Para adultos somente em clínicas de vacinação privada. Não está disponível no Cries.

IMPORTANTE : CONSULTE SEMPRE O SEU MÉDICO

oldestnewest

You may also like...