Combodart ou Saw Palmetto: Caros amigos... - Associação pela S...

Associação pela Saúde da Próstata
935 members434 posts

Combodart ou Saw Palmetto

Guima
Guima

Caros amigos. Tenho a impressão, que nosso organismo, por ser diferente um do outro, reage de maneiras diferentes. Fiz ressecção da próstata a pelo menos 8 anos. Estou hoje com 66. Levantava para urinar 5 ou 6 vezes toda noite. Estava um inferno. Após a cirurgia, que correu muito bem, ficou tudo em ordem. Nada a reclamar, mas como sabemos a próstata continua aumentando. Tomei sal pawmetto, por muito tempo. a uns 2 anos percebi que não estava confortável novamente. Depois de pesquisar, encontrei o Combodarte, que estou tomando a 4 meses. Melhorou e muito e diferente dos relatos de outros usuários, para mim esta fantástico. Meu libido é ótimo e levanto apenas uma vez a noite. No meu caso eu recomendo, mas como vi, cada organismo reage de forma diferente.

15 Replies
oldestnewest

Olá, Guima.

Estou com 56 anos e também sinto necessidade de ir ao banheiro mais de uma vez por noite. Ainda não fiz a ressecção da próstata e estou adiando ao máximo esse procedimento. Sempre me questiono como a necessidade de urinar e o fluxo do jato da urina podem variar bastante de acordo com a hora do dia. À noite, é como se a bexiga encolhesse de tamanho ou a próstata aumentasse muito, pois o volume de urina parece ser bem menor do que durante o dia. Das 8 da manhã até as 10 da noite, eu não tenho absolutamente esse problema. A bexiga não fica tão cheia em pouco tempo e o jato é como se eu tivesse 20 anos. Ou seja, tudo normalmente. O problema é sempre à noite, quando parece não caber nada na bexiga e o jato diminui bastante, chegando a demorar para conseguir esvaziar a bexiga.

O que será que acontece? Por que a gente urina sem problemas durante o dia, mas tem dificuldade no meio da noite? Hormônios do sono que interferem na obstrução da uretra? Não sei.

Outra coisa: sabemos que as pessoas com problemas cardíacos têm em algumas artérias próximas ao coração cateteres (ou stents) para mantê-las abertas e garantir o livre fluxo de sangue. Existe algum procedimento com o uso de stents que possam ser colocados na uretra para impedir que a próstata pressione o canal e, assim, ter sempre uma via desobstruída e com a ação de urinar sem nenhum problema?

Eu já pesquisei um pouco e não encontrei quase nada a respeito disso. Por que não se usar stents (cateteres) para manter a uretra sempre aberta e sem problemas para urinar à noite?

Sobre o uso dos medicamentos que você citou, nada posso falar, pois nunca fiz uso de nenhum dos dois.

Guima
Guima
in reply to Jair

Caro amigo, parece um labirinto de dúvidas mas não é. O que ocorre, é que quando estamos deitados, os rins não sofrem com a pressão normal da natureza. Deitado ele trabalha com maior velocidade. Como a próstata esta dilatada, ela aperta a bexiga, e nós não conseguimos urinar por completo por causa da uretra, então, o pouco de urina que os rins filtram, dão a impressão que a bexiga esta cheia, por isso as inúmeras idas ao banheiro somente a noite. Existe um remédio que chama-se RETEMIC, mas para mim funcionou por um ano mais ou menos. O COMBODART, contem tansulosina que age relaxando a musculatura da glândula prostática, tornando mais fácil a passagem da urina e melhorando os sintomas.

Para mim, foi a melhor opção. Evidente que tem que procurar um médico, mas posso te adiantar, nem eles tem uma mesma linha de raciocínio e diagnósticos conclusivos. Experimente e veja com qual se dará melhor. O Saw Palmeto, para mim diminuiu a próstata, mas os sintomas voltaram. Iguais aos seus.

Jair
Jair
in reply to Guima

Opa!

Obrigado pelas informações.

Com o uso do RETEMIC, que você disse ter experimentado por um ano, houve algum sintoma ou reação indesejada?

Eu estou com a próstata em torno de uns 60 cm3 e consigo ir em frente sem ter que enfrentar um RTU (Raspagem Trans Uretral). O incômodo de me levantar à noite são facilmente toleráveis. Mas me preocupa um pouco o possível avanço do volume da próstata. Os relatos que tenho lido são no sentido de que ela continuará a aumentar de tamanho. Por isso que venho procurando alguma alternativa que nem precisaria diminuir de tamanho, mas que pelo menos interrompesse o avanço do crescimento.

É claro que os efeitos de perda de libido ou o aparecimento de características femininas (como crescimento da mama) me impedem de seguir por esse caminho, como seria com o uso de inibidores de testosterona. Pelo que sei, o COMBODART tem isso, não?

Ainda considero levar nesse ritmo mesmo na possibilidade futura (se possível nunca) de passar a usar sonda ao ir ao banheiro para eliminar urina que não esteja mais querendo sair. Um urologista me disse que eu nunca fizesse isso, pois não tenho prática e tudo o mais, mas acho que ele estava fazendo terror para que eu ficasse sempre nas mão$$ e aos cuidado$$ dele. Nunca fiz ainda, mas não vejo mal algum em ter que usar uma sonda uma vez ou outra em noite em que a urina se prenda sem querer sair.

Enfrentar um RTU seria uma última alternativa

Quais as suas impressões sobre tudo isso.

Por fim, você não falou nada sobre um eventual uso de stents na uretra, de forma a preservá-la sempre aberta e imune a pressões da próstata.

A propósito, é muito bom poder trocar ideia com quem atravessa situação parecida. Entre meus conhecidos, quase todos mais jovens, nenhum deles tem tido problema com Hiperplasia Benigna.

Emar54
Emar54
in reply to Jair

Prezado Jair!

Também eu fiquei por muitos anos adiando a RTU, quando descobri que estava com câncer de próstata Gleason 6 (3+3), tive que fazer primeiro a RTU para reduzir o tamanho da próstata e depois poder realizar o procedimento HIFU.

Já na primeira vez que urinei, fiquei encantado com o resultado, acho que nem quando era menino urinei com tamanha facilidade!

Não tenho mais necessidade de acordar a noite para urinar, confesso que me senti um idiota de ter adiado tanto um procedimento simples e extremamente eficiente.

Quanto ao câncer, parece estar sob controle, PSA: 1,81.

Jair
Jair
in reply to Emar54

Opa, Emar54, bem-vindo à conversa!

Rapaz, o que me faz evitar a RTU são as possíveis sequelas que possam causar.

Meu urologista me disse que, depois da RTU, não há mais ejaculação, que ela passa a ser para dentro da bexiga. Já li também sobre casos de impotência sexual e/ou incontinência urinária.

Além de ser um procedimento cirúrgico, claro, ou mesmo ambulatorial, mas sempre um processo invasivo e com riscos.

São esses motivos principais que estão me segurando quanto a fazer a RTU. Há uma recente concordância e alinhamento entre os médicos de que quanto menos se mexer na próstata, melhor para o paciente.

Como você é um caso de sucesso, eu gostaria, meu prezado Emar54, do máximo de informação possível que você possa dar.

1 - Qual era o volume de sua próstata antes do RTU?

2 - Como ficou a sua vida sexual após o procedimento?

3 - Acabaram-se as ejaculações?

4 - Depois da RTU, você não fez a prostatectomia radical, mas o HIFU? Se sim, enfrenta possivelmente impotência e/ou incontinência. Já li que o HIFU também pode deixar sequelas.

5 - Você viu o que eu falei acima sobre o uso de stents? O que você acha a respeito? Não seria uma boa ideia?

Que bom que você tem um sono inteiro atualmente.

Eu morro de saudades de quando era jovem e dormia NON STOP das 10 da noite às 8 da manhã seguinte. Uma chateação ter que acordar toda santa noite, pelo menos 2 vezes, para ir ao banheiro.

Só de ler você falando em dormir de uma tacada só, sem acordar, já me deixou um pouco menos temeroso com a RTU.

Obrigado pelas informações.

Guima
Guima
in reply to Jair

Caro amigo. Como o Emar54 disse, a RTU é um sucesso, agora muito cuidado com o médico e hospital, só isso. Não tem nada de ejaculação para dentro, ou melhor, existe sim em casos raros. Bem vamos lá. Todos nós ficamos extremamente preocupado com todas essas questões que você colocou, afinal estão mexendo na nossa área de lazer (kkkkk) e talvez, a mais importante. Pesquisei muito, mas já não aguentava mais levantar de 5 ou 6 vezes durante a noite. A RTU foi um sucesso, a primeira urinada foi quase um orgasmo. Já operei a quase 8 anos. Sequelas, nenhuma. O que diminuiu foi a quantidade de esperma, porém o orgasmo é o mesmo. Eu me lembro que fiquei muito preocupado com a ereção e no dia seguinte cheio de esparadrapo no bilau, e com sonda, o menino amanheceu nervosos e tive que arrancar tudo pois estava me machucando. É engraçado, as primeiras ejaculações não existiram, mas o prazer é o mesmo. É estranho e difícil de explicar. Talvez, tenha sido isso que seu médico quis dizer . Me arrependi de não ter feito antes. Vá em frente e tenha muitas informações dos pacientes que o profissional operou. Se precisar mude, mas faça.

Combodart (Dutasterida/cloridrato de tansulosina) é bom? Não concordo nem uso! Basta ler a bula.

A dutasterida não trata corretamente a HBP e tem muitos efeitos adversos. provoca redução da libido, a impotência sexual e até desenvolve as mamas nos homens. Portanto sr Guima, é bom ser-se mais cauteloso a fazer comentários sobre remédios químicos sintéticos (fármacos). Veja o que está publicado na bula da dutasterida; Efeitos secundários frequentes:

- incapacidade de obter ou manter uma ereção (impotência), que pode continuar após parar de tomar Dutasterida

- desejo sexual (libido) diminuído, que pode continuar após parar de tomar Dutasterida

- dificuldade na ejaculação, que pode continuar após parar de tomar Dutasterida

- aumento do volume mamário (ginecomastia) ou hipersensibilidade dolorosa da mama

- tonturas quando tomado com tansulosina..

A finasterida, doxagozina, silodosina, alfuzosina, dutasterida, tansulosina e outros medicamentos para a próstata normalmente receitados para tratar a HBP são fármacos (químicos sintéticos) que têm sempre muitos efeitos colaterais negativos na virilidade e na masculinidade do homem. ATUAM como CASTRADORES QUÍMICOS! Provocam impotência, diminuem a libido, provocam ejaculação retrógrada e até podem causar GINECOMASTIA (crescimento das mamas nos homens).

Para a tratar a HPB há alternativas naturais (suplementos nutriterápicos) bem mais eficazes e corretas para o organismo humano, mas estas são abafadas pela indústria farmacêutica com a conivência dos médicos convencionais.

Nas doenças crónicas degenerativas como é a HPB, não ficamos doentes por falta de medicamentos (fármacos) e sim por falta de NUTRIENTES.

Asecoa
Asecoa
in reply to PedroBranda

Boa tarde Pedr. Como sofro de HPB e tomo finasterida 5 mg tenho sentido ultimamente problemaa com a ereção, assim gostaria que me indicasse os produtos naturais alternativis. Obr

Guima
Guima
in reply to PedroBranda

Caro Pedro. Com todo respeito, como não sou da área médica, não entro no mérito, porém eu disse por minhas experiências. Por exemplo; tomei salpalmeto por muito tempo e não adiantou nada. Tomei outros medicamentos também sem resultado. Estamos sempre pesquisando e achei o Combodart. para mim foi ótimo. Não tive nenhum efeito colateral e urino menos a noite, então é como experiência de laboratório com acertos e erros. Para mim foi ótimo.

PedroBranda
PedroBranda
in reply to Guima

O Saw palmetto quase nunca funciona bem sozinho. tem de ter mais ingredientes na formulação, como a Vit E, Zinco e mais outros ingredientes, para se respeitar o principio da SINERGIA. Depois a potência do extracto é muito importante e, infelizmente, no mercado há muita coisa má que não respeita estas situações, especialmente o que vem da China. Barato mas nada eficaz.

Se ainda não teve os efeitos colaterais do combodart, parabéns! Mas prepare-se para eles, é uma questão de tempo. Por isso estão escritos na bula; não estão lá por um mero acaso.

1 abraço

Guima
Guima
in reply to PedroBranda

Bem, já que o amigo é bem inteirado, o que você recomendaria ? Se for possível falar aqui é claro. Abraço.- amigo.guima@gmail.com

PedroBranda
PedroBranda
in reply to Guima

Caro Guima, eu resolvo o meu problema da HPB com o nutriterápico natural "SSP3-Forte".

1 abraço

Testemunho do médico dinamarquês, Peter Gotzsche, que acusou a Indústria farmacêutica de agir como a Máfia.

"MEDICAMENTOS MORTAIS

e Crime Organizado - Como a indústria farmacêutica corrompeu o Sistema de Saúde".

Clique neste link para ver o video:


Lauzito
Lauzito
in reply to PedroBranda

Boa noite Pedro, tenho HPB e também procuro por remédios naturais, o que seria SSP3-Forte, obrigado.

PedroBranda
PedroBranda
in reply to Lauzito

Pode comprar no site ssp3forte.com.

O SSP3-Forte é um nutriterápico que funciona muito bem.

Depoimentos do SSP3-Forte neste link:

problemasnaprostata.blogspo...

You may also like...