54 Drogas que levam a alterações do peso

Fonte: diabetesincontrol

Os pesquisadores analisaram dados de 257 estudos randomizados para descobrir quais as drogas que causam perda de peso ...

Os pesquisadores realizaram uma revisão sistemática e uma meta-análise para resumir as evidências sobre os medicamentos comumente prescritos e sua associação com a mudança de peso.

MEDLINE, DARE, e o Cochrane, Database of Systematic Reviews foram pesquisados para identificar revisões sistemáticas publicadas como uma fonte para os ensaios.

Foram incluídos estudos randomizados que compararam a priori uma lista selecionada de drogas para o placebo e mudança de peso medida e os dados foram extraídos em duplicata e avaliaram a qualidade metodológica usando o risco de Cochrane como ferramenta de viés.

Eles incluíram 257 ensaios clínicos randomizados (54 drogas diferentes; 84.696 doentes inscritos).

O ganho de peso foi associada com o uso de:

Amitriptilina (1,8 kg), Mirtazapina (1,5 kg), Olanzapina (2,4 kg), Quetiapina (1,1 kg), Risperidona (0,8 kg), Gabapentina (2,2 kg), Tolbutamida (2,8 kg) , Pioglitazona (2,6 kg), Glimepirida (2,1 kg), Gliclazida (1,8 kg), Glibenclamida (2,6 kg), Glipizida (2,2 kg), Sitagliptina (0,55 kg), e a Nateglinida (0,3 kg).

A perda de peso foi associada com o uso de:

Metformina (1,1 kg), Acarbose (0,4 kg), Miglitol (0,7 kg), Bupropiona (1,3 kg), e a Fluoxetina (1,3 kg).

Para muitas outras drogas restantes (incluindo anti-hipertensivos e anti-histamínicos), a mudança de peso ou era estatisticamente não significativa ou apoiadas por provas com muito baixa qualidade.

Conclusão :

Vários fármacos estão associados com mudanças de peso variando de magnitude. Os dados são fornecidos para orientar a escolha da droga quando existem várias opções e estratégias de perda de peso preconizadas , de preferência quando as drogas prescritas são obesogênicas.

Pontos Relevantes:

1. Os autores deste estudo realizaram um resumido de dados a partir de 257 ensaios clínicos randomizados (84.696 pacientes) para verificar as associações entre 54 diferentes drogas comumente associadas com a mudança de peso e mudança de peso real.As classes de medicamentos analisados continham antipsicóticos atípicos, hormônios, anti-hipertensivos, anti-histamínicos, antidepressivos, hipoglicemiantes, anticonvulsivantes e estabilizadores de humor. O ganho de peso foi associado com a utilização de 14 drogas diferentes , e perda de peso com 10 drogas diferentes.

2. Estes resultados podem ser usados para orientar a seleção de drogas quando existem várias opções e sugerir estratégias preventivas para controle de peso durante o tratamento.

Ref. : JP Domecq . The Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism Drugs Commonly Associated With Weight Change: J. Clin. Endocrinol. Metab.2015 Jan 15;100(2)363–370, From MEDLINE®/PubMed®, a database of the US National Library of Medicine.

oldestnewest

You may also like...