Choro e inquietude durante a mamada

Olá.

Já pedi ajuda anteriormente sobre a perda de peso e a introdução do LA. Fico muito grata por me responderem.

O meu filho tem agora um mês. Tenho dado a mama e depois 30 ml de LA quando está mais agitado.

Há 15 dias o bebé teve um bom aumento, aliás, a pediatra achou que o LA era mesmo para o caso de o bebé parecer não estar satisfeito.

Fiquei tão contente e confiante que resolvi não dar o LA durante dois dias para ver o que acontecia. Na semana passada fui ao Centro de Saúde e o bebé só tinha engordado 150g, quando na anterior tinha engordado 220g.

A enfermeira reforçou a ideia do suplemento no fim de cada mamada. Fiquei triste e um pouco desapontada.

O bebé tem estado mais agitado desde ontem e hoje chora quando está na mama. Eu pressiono a mama e vejo leite e se eu pressionar mais chega a pingar, mas o bebé não puxa. Chucha por um tempo e depois fica irrequieto e chora. Isto aconteceu com o meu penúltimo filho e eu deixei de conseguir amamentar. Chorei muito. Esforço-me por amamentar os meus filhos, mas não consigo.

Estou com muito medo que estes comportamentos se repitam. O que devo fazer?

Obrigada!

7 Replies

oldestnewest
  • Olá, não sou expert na matéria, sou apenas uma mamã que Tbm tem tido bastantes desafios com a amamentação. Felizmente todos estão a ser superados 😆 Aconselho desde já o acompanhamento de uma CAM verá que faz toda a diferença. Mas gostaria de fazer um pequeno apontamento relativamente à questão que colocou do peso. 150g de aumento com leite materno é excelente na minha opinião (o meu bebe já teve alturas de engordar apenas 15g por dia, e o que fiz foi nunca ceder à pressão do LA, passei a aumentar o número de vezes que lhe ofereço a maminha) e penso sempre se as outras mães conseguem eu Tbm hei-de conseguir. Relativamente ao facto de engordar mais com LA Tbm é perfeitamente normal. O que acontece é que o aumento de peso com leite materno é um aumento saudável enquanto o aumento do LA acaba por a longo prazo ser excessivo. Frequentemente vejo bebes que são alimentados a LA serem mt mais rechonchudos que os a leite materno. Eu no seu lugar procurava uma CAM e continuava a deixar de lado o LA aumentando o número de vezes que lhe oferece a maminha. Vai ver que vai conseguir.

  • Obrigada. :)

  • Olá, Joana.

    Eu gostava que os meus desafios fossem ultrapassados, mas não, casa vez se tornam mais exigentes. O bebé não agarra corretamente. É um suplício vê—lo agitado na mama. Quando aperto a mama, vejo leite. Não sei porque isto acontece. Tento posicioná—lo bem, mas não agarra. Fica zangado e chora. :(

  • Compreendo-a perfeitamente. O meu filho Tbm tem fases assim. Pega e larga assim que larga procura novamente e voltamos ao mesmo pega larga... já procurei vários aconselhamentos mas nunca consegui uma solução eficaz. Sinceramente já desisti e meti na cabeça que ele é assim e pronto não há nada que eu possa fazer... magoa-me bastante estou sempre com os mamilos super sensíveis mas vou levar a avante a escolha que fiz de amamentar. Isso não quer dizer que seja o seu caso. O seu até pode ser de fácil solução. Procure ajuda de uma CAM elas melhor que ninguém vão saber ajudá-la. Já obteve algum aconselhamento ?

  • Muito Obrigada. Já obtive aqui.Tentei ligar para a linha telefónica de apoio, mas não atenderam. Começo a achar que esta inquietude também se deve a cólicas. Já li dúvidas colocadas por si. Está a amamentar em exclusividade?

  • Sim neste momento e desde que ele fez um mês mais ou menos estamos em exclusividade. Existe um grupo no facebook que é dirigido pela rede amamenta. Este grupo Tbm me tem ajudado imenso através tanto da experiência de outras mães como das próprias conselheiras que ajudam bastante. O grupo não permite adicionar pessoas mas permite partilhar o link e se estiver de acordo com as regras fazer o pedido de adesão. Estou a tentar colocar aqui o link mas não estou a conseguir. O grupo chama-se da.me maminha escreva isto na barra de pesquisa e veja se consegue encontrar. Isto se tiver facebook claro. Acredito que Tbm a pode ajudar. Se não conseguir ou se precisar de alguma coisa diga. Um beijinho e muita força.

  • Muito Obrigada. Vou tentar. :)

You may also like...