Início da alimentação

Olá o meu menino de 6 meses já come a 3 semanas mas noto diminuição de leite, não sinto as mamas tão cheias de noite que é quando ficam mais tensas, no fim da papa e da sopa ofereço sempre a mama mas claro que ele não mama tanto porque já está cheio e acho que é por isso que diminuiu o fluxo... Costumava tirar para fazer as papas mas não tenho conseguido... é normal quando eles começam a comer produzimos menos leite? O que posso fazer para estimular a produção? Adoro amamentar e quero continuar ...

Obrigada

2 Replies

oldestnewest
  • Olá o meu filhote faz hoje 7 meses :) e come desde os seis sopa, fruta e papa. Também só dou mama ao fim da tarde, noite e manhã (de manhã ele mama sempre pouco) e sinto a mesma coisa que tu, as mamas parecem não encher e o que me preocupa mais é o facto de nos últimos tempos não conseguir extrair quase leite nenhum com a bomba. Tenho medo de estar a ficar sem leite. Não sei como estimular a produção de leite uma vez que a bomba não extrai quase nada...

    Sei que não te ajudei nada mas como é uma situação que também tenho vivido não resisti em partilhar e já agora ver se obtemos ajuda...

  • Olá AMOS84 e Adelaide19

    quando há diminuição do numero de mamadas a produção diminui, mas não vai continuar a diminuir,apenas se adequa á procura.

    Faz bem em amamentar depois dos outros alimentos e tambem pode amamentar antes, (os outros alimentos é que complementam a amamentação,por isso se diz alimentação complementar).Até ao ano de idade o leite é o principal alimento do bebe.O leite da mãe não interfere com a absorção dos nutrientes dos outros alimentos.O numero de mamadas deve continuar portanto o mesmo.

    Para aumentar a produção basta amamentar mais vezes,quando estiver com o bebe,nas folgas e ao fim de semana.

    Pode tambem extrair leite,em curtos periodos várias vezes ao dia,e alternando as mamas,ora numa ora noutra durante alguns minutos,mesmo que saia pouco continue,e vai juntando e guardando no frigorifico.

    Que bom para os vossos filhotes e para as mamãs,que vão continuar a beneficiar da amamentação.

    Um abraço

You may also like...