Ajuda tenho dores efebre

A minha bebê tem 27 dias e no início não me mamava muito bem dormia muito e não pegava na mama devido a eu não ter bicos , no hospital ajudaram com bicos de selicone e resultou ela agora mama muito bem mas tenho uma grande produção de leite e já algum tempo que meu peito direito mesmo com compressas de água quente mesmo tirando leite sinto meu peito duro , e muito dolorido principalmente a amamentar , mas hoje comecei com febre e estou com muito medo .... Que devo fazer...

6 Replies

oldestnewest
  • Olá! Muitos parabéns por praticamente um mês de amamentação da sua filha. Fez bem em aplicar calor e dar de mamar com frequência. Aqueça a mama durante pelo menos 45 minutos, pode, por exemplo, fazer rapidamente uns saquinhos com uma meia, encha de arroz cru e dê um nó. Depois coloque uns minutos no micro-ondas (depende da potencia mas geralmente uns 2 minutos chegam) e coloque a meia sobre a mama (deve estar quente mas não deve queimar). Deixe o calor atuar. Coloque um pouco de óleo na parte anterior da mama e faça massagens na mama com os dedos em pente da parte anterior para a direção do mamilo, estas massagens costumam funcionar muito bem também quando o bebé mama. Depois dê de mamar ao bebé, procurando a melhor posição e pega que conseguir. Dê de mamar com frequência mas continue a alternar sempre as mamas. A seguir à mamada pode aplicar frio na mama (cerca de 10 minutos no máximo). Pode ainda tomar um anti-inflamatório como o Brufen (ou se preferir consulte o seu médico para lhe indicar medicação). Procure repousar e evite roupas que apertem a mama.

    O uso de bicos de silicone tem estado associado a uma diminuição da produção de leite a médio/longo prazo. Mas não se pode afirmar que isso acontece em todos os casos. Mas como existe este risco considera-se que vale a pena tentar tirar, além de que o bebé ao mamar sem eles irá drenar melhor a mama, favorecendo que se mantenha saudável. Pode experimentar dar de mamar sem eles quando o bebé estiver quase a adormecer ou a acordar, às vezes com sono conseguem pegar na mama com mais facilidade. Pode também colocar o bebé sobre o seu peito só de fralda e a mãe nua da cintura para cima num quarto aquecido. Nesta posição em que o bebé sozinho pega na mama de cima para baixo muitas vezes conseguem mamar com mais facilidade que antes. Não é necessário apressar o bebé, o próprio contacto pele a pele em si é importante para ele reaprender a fazer a pega, este vídeo poderá ajudar a perceber como fazê-lo: biologicalnurturing.com/vid...

    Outra hipótese poderá ser cortar a pontinha do mamilo de silicone e quando o bebé se habituar a mamar assim cortar mais um bocadinho, e assim sucessivamente.

    Se em 24horas continuar com febre ou se se sentir pior o melhor será ir ao médico. Se a situação se tornar estável e for se sentido progressivamente melhor à partida é porque o seu corpo conseguiu superar por si mesmo a situação. Se precisar pode ligar para uma das nossas voluntárias (os contactos estão no site sosamamentacao.org.pt) para mais informação e apoio. Se ninguém atender envie SMS para combinar a melhor hora para telefonar. Muita força!

  • Muito obrigada pela explicação e pela ajuda mas como a febre não passava tive que ir ao centro de saúde e pela médica tenho uma mastite e tenho que tomar antibiótico e tenho que interromper a amaentaçao ....

    Mas em princípio só por uma semana pois de três em três horas vou continuar a tirar leite espero daqui a uma semana poder voltar a dar de mamar a minha filha ... Já agora eu vou ter que comprar uma bomba tem alguma recomendação , eu sei que as eléctricas dizem que aumenta a produção do leite mas a verdade é que as manuais demoram imenso tempo e eu não quero que a produção baixa por o seio não sentir a sucção do bebê.

  • Boa tarde. Que bom que está medicada, quando se trata de mastite infeciosa é realmente muito importante tomar antibiótico. No entanto, raramente ou nunca é necessário suspender a amamentação quando se tem mastite pois a maioria dos antibióticos é compatível com a amamentação (infelizmente muitos profissionais de saúde têm conhecimento pouco atualizados neste aspeto). Através da base de dados e-lactancia ( e-lactancia.org/ ), pode-se confirmar a compatibilidade dos medicamentos com a amamentação. Se tiver dificuldades em consultar esta base de dados diga qual o antibiótico receitado que posso ajudar a verificar a compatibilidade.

    Não basta geralmente tomar o antibiótico, é também necessário, garantir mamadas frequentes (idealmente) , repouso e aplicação de calor e frio e massagem , pelo menos enquanto persistirem os sintomas.

  • Obrigado eu pelos concelhos eu ontem tive com uma médica das urgências não com a minha mas estav desesperada que a febre mão baixava mas hoje fui a minha médica e está mudou me o antibiótico e Amanha já vou amamentar a minha menina .... E estou muito contente por isso .

    Já agora tenho uma questão eu tenho sempre p meu peito muito cheio daí a isto acontecer ela mama só uma mama e não desvazia eu ainda tenho que desvaziar essa mama enquanto isso a outra mama ainda fica mais cheia e sempre assim eu tiro da outra um pouco mas nunca até ao fim por medo que não produza o suficiente e isto aconteceu.me como devo reagir agora ?

  • Que bom que já voltou a dar de mamar diretamente da mama. Isso também ajuda a drenar a mama e curar a mastite. Dê de mamar em todas as alturas em que a bebé lhe parecer interessada (não espere que chore, nem tente intervalar mamadas segundo horários), mas continue a alternar as mamas. A produção de leite por parte da mãe depende da estimulação do mamilo pela sucção do bebé e pela retirada de leite do peito (sistema procura/oferta). Quando se extrai leite além do que o bebé mama pode gerar-se uma situação de excesso de produção, pois o corpo recebe sinais para produzir mais leite do que aquilo que realmente é necessário. Assim, não convém parar dum momento para o outro de extrair, pois está a recuperar duma infeção, mas seria importante gradualmente começar a extrair menos tempo, até que o corpo se consiga ajustar e produzir menos e assim conseguir parar de extrair e só dar de mamar.

  • Num pois mas o meu peito nunca esvazia por muito que eu de uma so mama

You may also like...